segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Check it out




Camarada(s) desculpem,
mas quem não gostar pode sempre carregar no botão




domingo, 30 de janeiro de 2011

Ser voluntário

...é, para muitas pessoas retiradas da vida activa, uma forma positiva de preencher a sua rotina permitindo-lhes defender os seus níveis de auto estima, mantendo o sentimento positivo da vida, e, para muitos jovens, uma janela de oportunidade para a descoberta e crescimento interior.

Porque acto de solidariedade, o voluntariado estimula a auto-valorização social, contribui para a humanização do relacionamento pessoal ao mesmo tempo que promove uma melhor qualidade de vida da comunidade.

2011 é o Ano Europeu do Voluntariado. Uma boa altura para pensarmos em "dar mais do que receber".

Experimentar aqui. (é grátis e não doi)

sábado, 29 de janeiro de 2011

Velhos + ou -

A partir de determinada altura (e peso) da vida, muitas pessoas começam a achar-se mais velhas do que manda o BI/CC.
Para trás ficou o tempo de subir a idade para entrar no cinema, mergulhar nas febres nocturnas ou, simplesmente, ser visto com algum respeito em grupos de maioridade organizada.
É verdade que, quando tinha os meus quinze anos, recordo-me bem que os cinquenta/sessentões dessa época pareciam muito mais velhos do que hoje a malta dessa idade.
Verdade é, também, que admitir a naturalidade do envelhecimento faz dele uma não dolorosa fatalidade. Assim, menos traumático, com alguma facilidade até nos achamos muito menos velhos do que parecemos...
Chamam-lhe a Idade Interior. Para conferir, aqui fica a sua fórmula de cálculo.
Então, como vamos de PDI ?

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Isto é uma drogaria ou quê?

Algumas das notícias que têm feito furor jornalístico na praça pública portuguesa apresentam um preocupante denominador comum: a droga. Depois das insinuações (em defesa?) do "passion/crime Carlos Castro affair", eis agora que surge Carlos Silvino, alegando que a utilização de drogas na sua argumentação, fez com que o filme "Casa Pia - Tudo Bons Rapazes" chegasse ao circuito comercial como "A Casa (Pia) dos Horrores" .
Por este caminho, Oliveira e Costa vai inocentar-se alegando que os negócios ruinosos do BPN só aconteceram depois de ter assoado o nariz a um dos lenços com um estranho pó esbranquiçado oferecidos pela SLN. Por seu lado, Manuel Godinho argumentará que, só depois de, inadvertidamente, se picar numa estranha agulha abandonada nos seus ferro-velhos, é que começou a sentir uma enorme vontade de oferecer prendas.
No meio de tanta desculpa que por aí vai aparecer, até pode ser que, finalmente, alguém revele ao país (e ao próprio) como é que convenceram Manuel Alegre a acreditar nas promessas de grandes apoios à sua última candidatura presidencial.

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Grandes Curtas

"A vida é o que nos vai acontecendo enquanto estamos ocupados a fazer outros planos"

(Lennon, desculpa a tradução)

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

S. Bento's Bullying


... ou assim se vê a força da juventude?
(Foto inicial de Fábio Teixeira/Público)

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

O tom maior da estabilidade

... resumindo: a maioria dos PORTUGUESES (assim mesmo, com letra grande) que votaram, entenderam que o candidato Cavaco Silva explicou o que tinha a explicar, prometeu o que tinha de prometer, desculpou o que tinha a desculpar e riu o que tinha a rir. Não se esquivou, não ignorou, não se enganou nem foi enganado, não mexericou, não mentiu nem ameaçou. Nunca pecou.
Pois bem, assim sendo, seria uma perfeita heresia recusar tamanha santidade para iluminar o país na cruzada contra a Crise a que o eterno pecador centro-esquerda português (pejado de ateus e de católicos só por baptismo) levou este jardim à beira mar abandonado.
Somos um povo de brandos costumes e de outros defeitos, mas ingratos, nunca!
Por isso, se "é disto que o meu povo gosta"... viva Portugal !
A música é uma relíquia de Martinho da Vila.
O desafio é ouvi-la adaptando-a ao nosso país.
Difícil, não?

domingo, 23 de janeiro de 2011

Adivinhas



Ana nina não, ficas tu eu não...

sábado, 22 de janeiro de 2011

Baluartes há muitos


Aproveitando a data do 70º aniversário do GDP, hoje, esta excelente foto do Xico Germano fez-me recuar às décadas de 60 e 70 (do século passado) para lembrar o estádio do Baluarte em domingos de futebol.
Comparações de fervor clubístico à parte, apenas quero aqui registar a saudade que sinto quando oiço as marchas com que o senhor Fernando Neves e, mais tarde, o meu amigo Fernando Marques abriam as hostilidades futebolísticas de domingo . Doi, não doi?



sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Shoking

Religião à parte, e a propósito da honra ferida alegada pelo meu (não)candidato presidencialista, aqui fica um vídeo que mostra um conceito muito curioso sobre liberdade de opinião e o direito à ofensa.
Philip Pullman, o seu controverso autor, escreveu um dia: "As histórias entretêm e ensinam, ajudam a apreciar a vida e a enriquecê-la. Depois de comida, abrigo e companhia, as histórias são a coisa que mais precisamos no mundo".


quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Solidariedade ibérica

"Al entregar el Presupuesto del Estado para nuevo año de su democrático y benemérito gobierno, el Primer Ministro hay llamado el Ministro de Hacienda para preguntarle qué pensaban las personas sobre su politica.
Al final de la reunión, le preguntó: - “¿cuáles son los resultados?”
- "Señor Primer Ministro", dijo el Ministro de Hacienda, “cumplidos tantos años de su gobierno democrático y benemerito, hay 50 por ciento de optimistas y 50 por ciento de pesimistas."
- "¿Entonces, qué dicen los optimistas?", preguntó el Primer. - “Que en el próximo año todos vamos a comer mierda", respondió el Ministro.
- "¿Y los pesimistas, que dijeron?", preguntó, desconcertado, el Primer Ministro.
- “Ni la mierda llegara para todos!”, dijo el ministro…"

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Duas dúzias

Mais do que contar anos, o dia de hoje é Gratidão

pelos dias que foram e pelos muitos que virão.

Mais do que apagar velas, o dia de hoje é Tranquilidade

por te ver criança, adulta - maior de idade.

Mais do que dar presentes, o dia hoje é Esperança

por saber que as derrotas te ensinaram confiança.

Mais do que escrever poemas, o dia hoje é Louvor

ao divino, à sorte, ao querer e ao amor.

Por isto tudo é que “ hoje é dia de festa, cantam as nossas almas

prá menina Mafalda muitos beijos e palmas”