terça-feira, 30 de abril de 2013

O Benfica não merece isto

Eu percebo que determinados cargos na SLB-sad necessitem de justificação, bem como o salário correspondente; mas pagar o que quer que seja a um assessor de comunicação para, desta forma, arquitectar em nome do BENFICA a mais fraca teoria da conspiração desportiva vista nos últimos tempos no mundo do futebol nacional, é inadmissível.
Tratar assim as polémicas de que se alimentam os regedores dos nossos principais e históricos adversários (FC.Porto e Sporting.CP) justificando os seus insucessos desportivos é, em minha opinião, o mesmo que alimentar um burro a pão-de-ló.
Por isso, joguemos à bola como tão bem temos sabido e deixemos que a história se faça de vitórias dentro do campo - com lances polémicos a favor ou contra. Aí é que residirá o mérito do Benfica, para desespero dos trauliteiros do costume (alguns de camisola vermelha vestida, por conv€ni€ncia)!



segunda-feira, 29 de abril de 2013

domingo, 28 de abril de 2013

Vamos fermosos ou não, Seguro?


Sérgio Sousa Pinto avisou : "Haja coragem moral, chega de gente que se esconde por trás de uma floresta de promessas para não cumprir nada. Chega de gente que se esconde atrás de uma floresta de palavras para não dizer nada, chega de gente que pensa que a política é feita de poses e luzes".
António José Seguro respondeu assim.







sábado, 27 de abril de 2013

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Ser benfiquista

Dia 20/04/2013: o segundo principal suspeito dos ataques bombistas de Boston está cercado. Perguntado sobre a maior preocupação do momento, o manager da casa do Benfica de New England - a poucas centenas de metros do local onde está cercado o suspeito do ataque bombista - respondeu: (aceitam-se apostas...)




quinta-feira, 25 de abril de 2013

quarta-feira, 24 de abril de 2013

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Peniche não merece isto (12)

Por causa das obras da igreja de S. Pedro, aumentou a frequência das outras igrejas da cidade, principalmente em dias de festividade religiosa e aos fins de semana.
Compreensivelmente, as zonas envolventes aos templos desarrumam-se com a invasão automóvel.
Incompreensivelmente, ou não, esse desarrumo de trânsito origina cenas de estacionamento caótico como as que regularmente se assistem no Adro da Ajuda e que motivam perigosíssimas e arriscadas manobras a quem por ali transita, de carro ou a pé.
Sabendo-se como o civismo e respeito pelo próximo são pormenores um "tudo-nada" pouco cultivados cá no burgo, resta-nos pedir a Deus que ilumine os seus crentes-praticantes neste particular.
Porém, como "Deus dispõe e o homem põe" e há sempre gente disposta a pôr o carro à porta do confessionário, talvez não fosse pior a PSP, de vez em quando (até há hora certa...) passar pelo Adro da Ajuda (e pelos outros adros das nossas igrejas) e "iluminar" os mal estacionados.
Sem medo de pecar!    

domingo, 21 de abril de 2013

Que Gaita(n) de jogada!

Por acaso sou benfiquista. Mas, mesmo que não fosse, hoje partilhava aqui (e em full screen) uma das melhores jogadas de futebol a que já assisti na vida, como esta que deu o segundo golo do SLBenfica contra o Sporting.
Como diria o outro: "é de antologia!"


sábado, 20 de abril de 2013

sexta-feira, 19 de abril de 2013

quinta-feira, 18 de abril de 2013

A beleza de um outro olhar

Um filme desenvolvido/realizado a partir do princípio: beleza é uma fonte de autoconfiança e não de ansiedade – uma teoria, aparentemente, bem simples.                                                                                                           Ao assistir a estas mulheres descrevendo-se, é quase certo que a insegurança de muitas vai reflectir-se no vídeo. Estes seres humanos que se definem e se reduzem como “apenas” um nariz fora de um padrão qualquer ou, ainda, com alguns números/quilos acima do que os outros esperam é algo, infelizmente, comum e familiar. Talvez, até, a forma como elas falam de si chega a ser, subtilmente, bastante cruel: desvalorizam-se por aspectos despercebidos se comparados com as suas qualidades,  infelizmente escondidas debaixo de seus “defeitos”.

Um vídeo que vale pela a reflexão:
“Uma pessoa não é um nariz grande ou um cabelo ressecado. Ela é o conjunto de atributos que se somam ao brilho, muitas vezes escondido, de um olhar."



quarta-feira, 17 de abril de 2013

Posso pedir um disco?


Caruso


Aqui onde o mar brilha,

Ele sopra forte o vento

Sobre um terraço antigo

Em frente ao Golfo de Sorrento

Um homem abraça uma menina

Depois de haver chorado

Então, ele limpa a voz

E recomeça o canto


Eu te quero bem, sabe?

Mas tanto, tanto bem, sabe?

É uma corrente agora

Que faz o sangue queimar nas veias , sabe?


Viu luzes em alto-mar,

Lembrou de noites lá na América

Mas eram só lanternas a brilhar,

No rastro branco de uma hélice

Sentiu doer a música,

Se levantou do piano

Mas quando viu a lua

Surgir de uma nuvem,

Até a morte lhe pareceu mais doce

Olhou fundo nos olhos da menina,

Aqueles olhos verdes como o mar

De repente viu escapar um lágrima

E pensou estar à se afogar


Eu te quero bem, sabe?

Mas tanto, tanto bem, sabe?

É uma corrente agora

Que faz o sangue queimar nas veias , sabe?


Que poder é esse da ópera,

Onde todo drama é falso

Com um pouco de maquilhagem e representação

Podemos nos transformar em outro

Mas quando dois olhos te olham

Assim tão perto e verdadeiros

Te fazem esquecer as palavras,

Confundem teus pensamentos

Assim, tudo se torna pequeno

Também as noites lá na América

Você vira e vê a sua vida

Como o rastro de uma hélice

Mas, sim, essa vida que se acaba

E ele nem pensou sobre isso

Ou, ao contrário, ele já se sentia feliz

E recomeçou seu canto


Eu te quero bem, sabe?

Mas tanto, tanto bem, sabe?

É uma corrente agora

Que faz o sangue queimar nas veias , sabe?

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Brisas de Peniche


Hoje quero aqui deixar uma referência à ideia escolhida pela empresa Geltrão (comerciante de congelados) na decoração da sua área comercial situada na praça da feira mensal na Prageira.
Numa cidade e concelho em que a divulgação cultural, mais ou menos isenta, depende apenas da parca generosidade camarária, merece aplausos quem, mesmo de forma simples, torna público um "mosaico" da cultura penichense.
Neste caso, falo do poema de Mariano Calado, transcrito numa parede da área comercial do estabelecimento - perfeitamente enquadrado na restante sobriedade exigida pelas regras da actividade.
Parabéns, portanto, pela excelente iniciativa!
 

domingo, 14 de abril de 2013

Oremus


Que Dios te acompañe, Francisco!







sábado, 13 de abril de 2013

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Candidaturas a Peniche

A seis meses das próximas eleições autárquicas, conhecidas que são as repetições dos candidatos comunistas e sociais democratas à Câmara Municipal de Peniche, perante a recusa à recandidatura do seu anterior representante, os socialistas penicheiros aguardam com (a tradicional) expectativa o aparecimento do seu candidato ao lugar vago na grande cadeira que se encontra "prontinha" a ser ocupada na sede PS.
Até lá, aceitam-se apostas especulações!
 

quinta-feira, 11 de abril de 2013

quarta-feira, 10 de abril de 2013

As fronteiras do sexo

"Uma história onde o sexo é o veículo principal para a exploração da compaixão humana: o sexo deixa de ser animal e passa a ser terapêutico, a nudez deixa de ser erótica e passa a ser um protocolo, a necessidade deixa de ser romântica e passa a ser por defeito."
Um filme em que começamos por nos sentir levados a ver pormenores que, normalmente,  mereceriam a nossa indiferença. Porém, depois de engolidos os preconceitos, damo-nos gratos por termos percebido como em questões de sexo há fronteiras - neste caso, uma linha que separa a prostituição de terapia sexual.
 

terça-feira, 9 de abril de 2013

segunda-feira, 8 de abril de 2013

As muralhas de Peniche


O que se passa com o desaproveitamento do novo Fosso - repetindo a degradante tragédia da Fortaleza de Peniche - é, na minha opinião, mais uma prova de que os penicheiros raramente foram capazes de ir para além da muralha da mediocridade de ideias dos que os têm governado.


domingo, 7 de abril de 2013

Dançar em tons de vermelho



... e o SLB continua a mostrar a sua arte de bem jogar à bola, a passear a sua classe - como se de uma dança se tratasse.

sábado, 6 de abril de 2013

Posso dedicar um disco?

...aos 2.159.181 portugueses que, em 05.Junho.2011 acreditaram que a música portuguesa podia mudar trocando os intérpretes?
"But that was just a dream...That was just a dream!"
Life is bigger

It's bigger than you

And you are not me

The lengths that I will go to

The distance in your eyes

Oh no I've said too much

I set it up


That's me in the corner

That's me in the spotlight

Losing my religion

Trying to keep up with you

And I don't know if I can do it

Oh no I've said too much

I haven't said enough

I thought that I heard you laughing

I thought that I heard you sing

I think I thought I saw you try


Every whisper

Of every waking hour I'm

Choosing my confessions

Trying to keep an eye on you

Like a hurt lost and blinded fool

Oh no I've said too much

I set it up


Consider this

The hint of the century

Consider this

The slip that brought me

To my knees failed

What if all these fantasies

Come flailing around

Now I've said too much

I thought that I heard you laughing

I thought that I heard you sing

I think I thought I saw you try


But that was just a dream

That was just a dream