quinta-feira, 30 de junho de 2011

Eu gostei

... de saber que, também em Peniche, há mais vida para além da rádio e de como a 102FM soube promover o reconhecimento público de individualidades e instituições  que, por obra feita em prol da comunidade, vão ficando na história do concelho.

Apesar de suspeito aqui fica - para as memórias futuras - um momento de que me orgulho muito.




quarta-feira, 29 de junho de 2011

Olh'ó Fueco

Como não podia deixar de ser, fui visitar a exposição fotográfica do Carlos Alberto Tiago.
O Fua (de cognome) - será, talvez e felizmente, o penicheiro mais "agitador" da actualidade local.
Felizmente, porque, sem depender de calendários eleitorais nem ligar a cores partidárias ou a duvidosas velhas amizades, mostra um olhar diferente e uma voz dissonante do "no passa nada way of life" em que esta terra se encontra mergulhada há perto de seis anos.
Por isso, a minha dedicatória no livro de visitas deste meu amigo e, principalmente, Grande Amigo de Peniche:
"Palavras para quê? as fotos dizem tudo: sobre o fotógrafo e o fotografado. Continua se faz favor!"

Como diria um prima minha: "este rapaz faz-nos falta" -  quanto mais não seja para não nos deixar adormecer.

terça-feira, 28 de junho de 2011

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Reflexões de 2ª (feira)


E se um dia voltássemos a ser agricultores e pescadores? 

domingo, 26 de junho de 2011

O estado do Estado

A poucas horas de terminar o FdSemana mais quente do ano, entre umas idas à praia e os habituais repastos da época no churrasco da minha tasca, ainda tive tempo para visitar o Banco de Portugal e de lá retirar esta brochura que é o Programa de Assistência Financeira UE/FMI; resumido e calendarizado é certo, mas que, definitivamente, prova o estado em que o Estado está e mostra o que nos vai ser exigido enquanto nação.
Apesar de admitir a necessidade desta hipótese, enquanto cidadão/pagante tenho muitas dúvidas da bondade deste tipo de auxílios e, depois de atender ao documento, percebo como serão profundas as suas interferências na sociedade portuguesa.
O pior não é saber se cumpriremos o tratado, o pior é percebermos (já) se merecerá a pena desvalorizar tanto uma identidade nacional, quase milenar, com quem sempre nos identificámos.
Talvez por isso, Passos Coelho possa vir a ser cognominado de o último dos troikanos!

sábado, 25 de junho de 2011

Viagens lie cost



Uma história para aprender no fim de semana: com aviões, coelhos e coisas de carelhos (como lhes chamava a minha saudosa avó São)

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Luchas en pelota

Este vídeo divulgado recentemente na Internet, mostra vários operários da fábrica da ABB em Biscaia (País Basco) a trabalharem completamente nus, apenas com algumas ferramentas a cobrirem os órgãos genitais.
Apesar de começar com esta nota humorística, o vídeo termina com imagens da luta dos trabalhadores para manterem os seus empregos - assegurando que esta foi a única forma de chamar a atenção para o problema, depois do infrutífero resultado de duas semanas de manifestações e de pedidos de reuniões com os directores da empresa.

“O vídeo faz rir, mas a mensagem é séria. O fecho da fábrica deixa-nos sem nada, sem roupa, sem recursos e sem futuro", disse em comunicado Jorge Marcos, o porta-voz dos trabalhadores em luta.
A empresa suíça ABB (Asea Brown Boveri) - que ainda não reagiu ao vídeo, apesar de ele ter tido honras de abertura nos telejornais espanhóis - divulgou um comunicado confirmando a "reestruturação de sua divisão Power Products em Espanha para melhorar a viabilidade nas difíceis condições actuais do mercado espanhol".